777 slots - Esta montadora promete DOMINAR o segmento de elétricos

Já ouviu a expressão: ”fulano chegou para ficar”? Pois bem, ela é a definição mais precisa para a Great Wall Motors, nova sensação do mercado de veículos elétricos no país.

777 slots - Esta montadora promete DOMINAR o segmento de elétricos
Great Wall Motors ou simplesmente GWM tem um único modelo como responsável pelo sucesso repentino (Foto: Divulgação)

Participação importante no segmento de elétricos

Um mês. Esse é o tempo de atuação da montadora chinesa Great Wall Motors (GWM) no Brasil.

Esse tempo foi o suficiente para a GWM alcançar a marca de 15% de participação no mercado de veículos elétricos no país.

VEJA TAMBÉM

Todo o sucesso tem um nome: Haval H6. O único modelo da montadora por aqui até o momento, que é responsável, sozinho pelo desempenho mais que satisfatório no período de estreia.

Na comparação apenas com veículos híbridos, esse índice é ainda maior. Dos 5.820 modelos vendidos no último mês, 960 são da GWM, o que representa uma participação de 16,5% em apenas 30 dias.

Neste período, foram comercializadas 440 unidades do híbrido plug-in esportivo Haval H6 GT, 275 do híbrido autorrecarregável Haval H6 HEV e 245 do híbrido plug-in familiar Haval H6 PHEV.

Segundo a Associação Brasileira de Veículos Elétricos (ABVE), do total de veículos plug-in emplacados em maio, 26,4% são da GWM.

777 slots - Esta montadora promete DOMINAR o segmento de elétricos
Modelo veio ao Brasil em três versões elétricas (Foto: Divulgação)

Haval H6

Recém-lançado no país há cerca de um mês, o Haval H6 é um SUV que chegou em três versões no último mês.

As versões disponíveis no mercado são: Haval H6 HEV, Haval H6 PHEV e Haval H6 GT, com os seguintes preços:

  • Haval H6 HEV: R$214 mil sem teto solar e R$ 224 mil com teto solar
  • Haval H6 PHEV: R$ 269 mil sem teto solar e R$ 279 mil com teto solar
  • Haval H6 GT: R$ 315 mil

Os modelos da GWM neste ano são importados da China, sede da montadora, o que deve mudar a partir do ano que vem, quando serão produzidos em Iracemápolis (SP).

A unidade fabril em São Paulo receberá aporte financeiro de R$ 4 bilhões nos próximos três anos e R$ 10 bilhões até 2032, para que tenha capacidade produzir até 100 mil veículos e gerar cerca de dois mil empregos.

777 slots - Esta montadora promete DOMINAR o segmento de elétricos
Hal H6 PHEV é a versão intermediária da linha (Foto: Divulgação)

Segmento de veículos elétricos

O mês de maio foi histórico para o setor de veículos elétricos no país, com 6.435 unidades emplacadas.

Desse percentual, 50,2% foram híbridos HEV (3.228) e 49,8% foram elétricos plug-in PHEV ou BEV (3.207).

Os números apontam, entre outras coisas, para o crescimento dos veículos pug-in.

De acordo com os dados de meio, este tipo de veículo elétrico foi responsável por 49,8% de vendas no segmento, uma alta de 14,8% em relação ao mesmo período do ano passado.

No acumulado deste ano ano, o crescimento de vendas de elétricos plug-in foi na ordem de 132%, na comparação entre janeiro a maio de 2022 e o mesmo período de 2023 (de 5.295 para 12.269).

Esses modelos recebem energia externa, como por exemplo, as tomadas dos carregadores elétricos para que assim, tenham suas baterias recarregadas. Podem ser elétricos e híbridos.

Gervásio HenriqueJornalista com maior experiência profissional no setor automotivo. Atualmente redator do Grupo Gridmidia com foco no portal Garagem360.
ASSISTA AGORA
Veja mais ›
777 slots - Esta montadora promete DOMINAR o segmento de elétricos